Saúde

Hospital de Amor promove ação virtual de conscientização sobre câncer de mama aliada à prática de atividade física



Unir o bem-estar e a prevenção foi uma das propostas do Hospital de Amor para a campanha do Outubro Rosa deste ano. Com a pandemia da COVID-19, muitas das palestras e eventos que seriam realizados neste período do ano, foram canceladas.

Com isso, por iniciativa das unidades de Fernandópolis e Jales, o HA abraçou a ideia de uma ação virtual de conscientização sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama, aliada à prática de atividade física, um fator importante para prevenção da doença.

COMO SE CONECTAR

A participação na ação é muito fácil: a pessoa precisa vestir uma camiseta rosa, publicar nos seus stories do Instagram algum momento realizando uma atividade física, dentro ou fora de casa, e marcar o perfil ‘@hospitaldeamor’. O post poderá aparecer nos stories da instituição.

É importante fazer a marcação do perfil corretamente e marcar apenas o perfil oficial. Para que o hospital consiga ver o story é necessário que o seu perfil esteja público quando você compartilhar. Outra dica: é importante respeitar as orientações de distanciamento social e uso de máscara se estiver em lugares de maior circulação.

ATIVIDADE FÍSICA E O CÂNCER DE MAMA

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), são diversos os fatores causadores de câncer de mama. Entre eles, está o sedentarismo, ou seja, a inatividade física.

Cerca de 30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis, como: praticar atividade física, alimentar-se de forma saudável, manter o peso corporal adequado, evitar o consumo de bebidas alcoólicas, amamentar e evitar uso de hormônios sintéticos, como anticoncepcionais e terapias de reposição hormonal.

O cirurgião oncológico do HA Jales, dr. André Silveira, reforça que o exercício físico atua na prevenção do câncer de diversas formas. “Os principais fatores que contribuem para esse resultado positivo são: redução da gordura corporal, melhora no sistema imunológico, controle dos níveis de insulina e redução do quadro inflamatório”, explica.

PREVENÇÃO

A prevenção do câncer de mama não deve acontecer só em outubro. Segundo a responsável técnica da unidade de Fernandópolis, Tânia Lourenço, mulheres com idade de 40 a 69 anos, devem procurar o posto de saúde mais próximo de sua casa para realizar seu exame de mamografia. “Mulheres, com a faixa etária de 40 a 49 anos, devem realizar a mamografia com periodicidade de 12 meses; e as de 50 a 69 anos, no período de 24 meses”, explicou a enfermeira.

NÚMEROS DO CÂNCER DE MAMA

O câncer de mama é a neoplasia maligna mais incidente em mulheres na maior parte do mundo. De acordo com as últimas estatísticas do Globocan (2018), foram estimados 2,1 milhões de casos novos de câncer e 626 mil óbitos pela doença. No Brasil, as estimativas de incidência de câncer de mama para o ano de 2020 são de 66.280 casos novos, o que representa 29,7% dos cânceres em mulheres, excetuando-se o câncer de pele não melanoma. Em 2018, ocorreram 17.763 mortes, sendo 17.572 mulheres e 189 homens por câncer de mama no país.


Mais sobre Saúde