Saúde

Hapvida alcança marca de mais de 2 mil recuperados em sua rede



O contínuo combate à Covid-19, dentro das unidades do Sistema Hapvida, do qual o grupo São Francisco faz parte, tem trazido bons resultados para a reabilitação dos pacientes. Desde o início da pandemia até o último balanço da empresa, divulgado em 13 de maio, mais de 2 mil pacientes que tinham a doença já foram recuperados. Esse crescimento de melhora no estado de saúde dos clientes representa a eficiência e a qualidade do modelo de atuação da companhia.

Tania Mara Marçal, 51 anos, é uma dessas guerreiras. Foram 16 dias internada no Hospital São Francisco, em Ribeirão Preto, sendo dois destes no Centro de Terapia Intensiva (CTI). Na tarde de quarta-feira (13), ela recebeu a tão sonhada alta médica e agradeceu a toda a equipe do hospital pela dedicação e cuidados. "Muito obrigada a todos. Agradeço de coração, vocês foram tudo para mim, anjos na minha vida", disse Tania aos profissionais de saúde que a aplaudiram durante sua saída do hospital.

Para Anderson Nascimento, Superintendente Nacional de Rede Própria do Sistema Hapvida, cada paciente que sai recuperado do hospital é uma alegria. "Nesse momento, lutamos para salvar vidas e todas elas merecem comemoração. Quando uma pessoa sai do hospital com seu estado de saúde bem, toda a equipe fica bem junto, é uma melhora coletiva. Continuaremos na luta contra a Covid-19."

Só é possível manter bons resultados quando se tem um modelo de atuação que garanta o bom atendimento. "O Hapvida aposta em uma gestão verticalizada para sua expansão, que permite monitoramento, previsibilidade e planejamento para viabilizar a democratização da saúde. Mais auxílio para nossos clientes é missão da companhia", reforça Jorge Pinheiro, Presidente do Hapvida Saúde.


Mais sobre Saúde